Dia Mundial de Combate a Aids: Acre tem redução no número de casos da doença

De 1987 a 2016 foram registrados, no Acre, 921 pacientes infectados pelo vírus do HIV. Os homens representam o maior número de pacientes infectados, totalizando 543 casos

Segundo dados da Coordenação Estadual de DST/Aids e Hepatites Virais, da Secretaria de Saúde do Acre (Sesacre), nos últimos três anos, houve uma queda no número de casos de Aids no Estado. Entre 2016 e 2015, os casos diminuíram mais de 40% . Em 2015, foram 70 casos confirmados e em 2016, são 40.

Ainda de acordo com a Sesacre, de 1987 a 2016 foram registrados, no Acre, 921 pacientes infectados pelo vírus do HIV. Os homens representam o maior número de pacientes infectados, totalizando 543 casos. Outras 378 pacientes são do sexo feminino. Rio Branco foi a cidade com maior incidência de casos no estado, com 682 notificações.
Os dados mostram também que houve diminuição no número de óbitos, desde 1987 quando o primeiro caso de Aids foi notificado no Acre morreram mais de 200 pessoas vítimas da doença.

dados

Entre 2016 e 2015, os casos diminuíram mais de 40% . Em 2015, foram 70 casos confirmados e em 2016, são 40

A Coordenação Estadual de saúde do Acre, enviou aos municípios insumos com objetivo de apoiar e integrar as ações planejadas pelo Estado, para a semana de conscientização para o Dia Mundial de Luta contra a Aids. Foram distribuídos 12.400 testes rápidos para HIV, Sífilis e Hepatites B e C.

Os interessados em realizar os testes rápidos devem se dirigir aos postos de saúde, no horário das 8 às 12 da manhã. As equipes estarão realizando também ações nas praças centrais de cada cidade, além da distribuição de material educativo e informativo.

Aids no Brasil

Em outubro de 1987 foi instituído pela Assembleia Mundial de Saúde, em parceria com a Organização das Nações Unidas (ONU), que o dia 1º de dezembro seria dedicado a uma campanha de conscientização e combate à Aids. No Brasil, a data só passou a figurar no ano seguinte. Desde então, centenas de campanhas e ações passaram a veicular para instruir não só aos adolescentes e jovens a respeito dos perigos de se contrair a doença, mas às pessoas de todas as idades.

Segundo o Ministério da Saúde, o Brasil está perto de registrar o número de 600 mil contaminados pelo vírus HIV. No Boletim Epidemiológico HIV/Aids de 2015, a taxa nacional de detecção de Aids foi de 20,4/100.000 habitantes. O Acre ficou abaixo da média nacional, com taxa de 8,1/100.000 habitantes.

 

comentários

Veja também