Sindicalista Rosana Nascimento diz que Daniel Zen é inimigo dos trabalhadores do Acre

"Se for para ter reforma que seja para ampliar e garantir direitos dos servidores públicos”, sugeriu Rosana

A presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Acre (Sinteac), Rosana Nascimento, declarou que o deputado estadual Daniel Zen (PT) é o inimigo número um dos trabalhadores, quando propõe a criação de uma Comissão Especial na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac) para revisar a Constituição Estadual e retirar as principais conquistas dos servidores públicos.

“Se não bastasse a tentativa de retirar a nossa licença prêmio e a sexta parte de forma traiçoeira e rasteira, que não só foi consumado porque os nossos sindicatos partiram para cima dos deputados”, desabafou a sindicalista sobre a decisão do líder do governo de reformar a Constituição Estadual e retirar os direitos históricos dos trabalhadores.

Rosana fez duras declarações ao deputado petista Daniel Zen /Foto: Reprodução

Segundo Rosana, o parlamentar da base de sustentação do governo Tião Viana, primeiro inventou uma desculpa que a PEC de autoria do Executivo, que propunha o fim da licença prêmio e da sexta parte estava cancelada, mas agora sugere a reforma constitucional. “Isso não podemos permitir, porque se for para ter reforma que seja para ampliar e garantir direitos dos servidores públicos”, sugeriu.

Para a sindicalista, o deputado deveria aproveitar a ocasião para garantir o direito dos 11 mil irregulares, que estão impedidos da progressão funcional, conforme o decreto da Procuradoria Geral do Estado (PGE). “Isso sim, os sindicatos topam fazer. Já que querem e desejam tanto esta reforma e demonstram que vão dialogar com os sindicatos, queremos a garantia da nossa licença prêmio, da sexta parte, além de todos direitos já garantidos, inclusive dos 11 mil”, propôs a presidente do Sinteac.

comentários

Veja também