Agentes penitenciários e Policiais Militares evitam fuga de detentos do Francisco de Oliveira Conde

Tentativa de fuga dos três detentos aconteceu na madrugada de sexta-feira em Rio Branco

Agentes penitenciários e Policiais Militares conseguiram impedir uma fuga de três presos do Presídio Francisco d’Oliveira Conde, em Rio Branco. A tentativa aconteceu na madrugada de sexta-feira (16). A Polícia Militar afirmou que os detentos Rivelino Lima Diniz, paulo Sérgio de Souza Uchoa e Sebastião Weverton Lima França foram detidos ainda no presídio e a situação controlada.

De acordo com a Associação dos Servidores do Sistema Penitenciário do Acre (ASSPEN), por volta das 2h da madrugada os três presos serraram a grade da cela “13” do Alojamento “01”, local destinado a presos em cumprimento de sanções administrativas, como medidas de isolamento cautelar preventivo ou corretivo.

Presídio Francisco de Oliveira Conde/Foto:G1

“Dos 14 presos que havia na cela, 03 tentaram fuga após serrarem a grade, mas foram recapturados por Agentes Penitenciários ainda no interior da Unidade. Os presos pertenciam originalmente ao Alojamento “04” (pavilhão “J”) e foram transferidos para o presídio de segurança máxima, devendo ainda sofrer sanções administrativas, além de responderem pelo crime de danos ao patrimônio público”, declarou a Asspen por meio de nota.

Apagão no presídio

Em nota, a Associação declarou ainda que um apagão foi registrado no presídio momentos antes da tentativa de fuga, além de um início de motim no pavilhão vizinho. Os servidores acreditam que pode ter sido uma estratégia dos presos para desviar a atenção dos agentes “o que, graças a atenção dos servidores, não funcionou”.

comentários

Outras Notícias

Veja também