Assassino que matou treinador de futebol para roubar 2 reais é preso em Assis Brasil

Crime aconteceu em Xapuri há um mês e vítima foi degolada enquanto dormia

OOperação conjunta entre Polícia Civil e Militar no município de Xapuri realizada na madrugada desta quarta-feira (12) conseguiu localizar e prender em uma área rural da estrada de Assis Brasil o acusado de matar o senhor Calixto Alves de Oliveira, que era conhecido popularmente por “Calixto”, com vários golpes de facão (terçado) na cabeça e ainda ter cortado o pescoço da vítima com uma faca quando estava dormindo.

O crime aconteceu na madrugada do dia 12 de junho de 2017, sendo que nesta quarta-feira completava 30 dias que Sidnei, vulgo “Caboco”, teria cometido o assassinato com requintes de crueldade de um dos maiores incentivadores do futebol no município de Xapuri.

Sidnei é acusado de matar o senhor Calixto Alves/Foto:Reprdoução

Toda diligência foi acompanhada pelo delegado titular do município de Xapuri, Alex Danny. Segundo o investigador Eurico Feitosa, a sua equipe vinha no encalço do criminoso “Caboco” após o crime ter chegado ao conhecimento da Polícia Civil daquele município.

Daí então conseguiram prender o foragido da justiça Sidnei Campos de Almeida, de 19 anos, natural do município de Xapuri, acusado de ser o autor do crime. Sidnei contou para os policiais que ele agiu sozinho e deu detalhes de como fez para adentrar na residência da vítima e cometer o crime, levando apenas R$ 2 reais que estava em seu bolso. ‘Caboco’ tem várias passagens pela polícia quando ainda era menor de idade.o.

 

comentários

Outras Notícias

Veja também