Zen diz que Marcus Alexandre será confirmado como candidato ao Governo do Acre

Presidente regional do PT diz com exclusividade à ContilNet que o PT não fará plenária

FPA se definindo

Como a coluna já havia anunciado na semana passada, o PT vai anunciar a pré-candidatura do prefeito de Rio Branco, Marcus Alexandre (PT), a Governador do Estado em 2018 entre os dias 28 de outubro e 3 de novembro. O partido ainda não definiu o vice, já que os nomes do presidente Daniel Zen (PT) e da vice-governadora Nazareth Araújo ainda figuram entre os prediletos da cúpula do Governo.

Briga pela indicação do vice

O PDT ainda insiste em indicar o secretário de Segurança Pública, Emylson Farias (PDT) como vice na chapa encabeçada por Marcus. Entretanto, setores do PT avaliam como negativa sua indicação ao lado do prefeito, já que sua avaliação é baixa quando se vai destacar sua atuação frente ao comando da Segurança do Estado.

Como será a apresentação do candidato da FPA

O deputado Daniel Zen, que é presidente do PT no Acre, disse com exclusividade à coluna que, diferente do que os meios de comunicação vêm propagando, de que o anúncio do candidato da Frente Popular será feito em plenária. O anúncio será feito em coletiva à imprensa precedida de uma reunião do Conselho Político da Frente Popular.

As articulações políticas foram essenciais

O crescimento do deputado Ney Amorim (PT) na última pesquisa apresentado pela Delta na TV Gazeta é fruto de um trabalho que ele vem realizando com seu grupo de atrair até mesmo lideranças da oposição em torno de seu nome para uma das vagas do Senado da República. Se até lá Ney não tiver nenhum tipo de ‘fogo amigo’ para atrapalha-lo dará trabalhado para a oposição.

Estão espalhando no Quinari?

“O prefeito de Senador Guiomard, André Maia (PSD), até tem boa vontade, mas existem gestores em sua administração que só sabem falar dos outros secretários e se vangloriarem do pouco que fazem como se fossem muito”, disse um gestor da atual administração. Um vereador informou à coluna que teria dito ao prefeito para tomar as rédeas dessa gestão com mais firmeza e colocar os dois secretários que espalham contenda para trabalhar iguais os demais estão fazendo.

Querem ser mais que o prefeito?

O gestor da Prefeitura de Senador Guiomard disse ainda que o prefeito André Maia é paciente de mais com os dois secretários causadores de contenda. “Eles querem ser mais que o prefeito e acabam afastando quem realmente trabalha e quer ajudar a gestão”, disse o integrante da atual equipe do prefeito.

Não ficou preocupado

O senador Sérgio Petecão (PSD) não se preocupou com a pesquisa divulgada na TV Gazeta. Para o parlamentar, o que interessa é trabalho prestado, por isso disse que nenhum dos seus adversários trabalhou mais que ele no parlamento. Petecão ainda foi otimista e disse que chegará em primeiro nas eleições do próximo ano e que não se preocupa com pesquisa.

Fortalecendo a sigla para 2018

O ex-deputado Luiz Tchê ficou otimista com a presença do secretário nacional do partido nos eventos do PDT realizado no Acre neste último fim de semana. Para Tchê, a direção nacional parabenizou os dirigentes do partido no Estado pela organização. Tchê quer apresentar um chapa própria de candidatos a deputado estadual e uma alternativa de deputado federal dentro da Frente Popular se for viável com os partidos menores.

A credibilidade continua

A pesquisa Delta mostrou o que a coluna vem dizendo há tempos, que a oposição não consegue tirar a credibilidade que o prefeito Marcus Alexandre (PT) passa à população, em especial a de Rio Branco. O homem está igual um bolo, quanto mais batem nele, mais ele vem crescendo e mostrando que não saiu da memória do eleitor.

Resultado favorável

O resultado da pesquisa Delta ainda apresenta o senador Gladson Cameli (PP) na frente das pesquisas com certo empate técnico, mas também mostra que Marcus Alexandre é muito forte para crescer ainda mais.

Imagina se as ruas da cidade não estivesse esburacadas?

O grande problema é que, mesmo com a cidade de Rio Branco toda esburacada, Marcus vem colado nas pesquisas com o senador Gladson Cameli. Imagina quando a Frente Popular começar a se articular levando lideranças da oposição?

comentários

Veja também