Governo fecha contrato de quase R$ 4 milhões e promete entregar Pronto Socorro em maio


Secretário afirmou que obra atrasou devido a excesso de burocracia para chegada de recursos

THALIS GUTIERRES, DA CONTILNET

Após a divulgação de um contrato no valor de quase R$ 4 milhões no Diário Oficial do Estado (DOE), em favor da finalização das obras e melhorias no novo prédio do Hospital de Urgência de Emergência de Rio Branco, o secretário estadual de Saúde, Gemyl Júnior, em entrevista ao jornal A Gazeta, estipulou o mês de maio para o prazo de entrega final das obras.

A construção do novo prédio do Pronto Socorro esbarrou no excesso de burocracia brasileira, o que acabou atrasando processos de licitação, emperrando investimentos e atrasando a obra que já perdura por, pelo menos, oito anos.

Secretário afirmou que obra atrasou devido a excesso de burocracia para chegada de recursos /Foto: Reprodução

Os novos valores serão investidos para finalizar as adequações necessárias no terceiro, quarto e quinto andar do novo prédio, onde ficarão localizadas enfermarias e uma Unidade de Tratamento Intensivo (UTI).

A expectativa é que o novo espaço da unidade amplie em quase 50% o número de internações disponíveis e dê mais eficiência ao serviço prestado pelos profissionais que trabalham na Huerb.

comentários

Outras Notícias

Veja Também