Agentes e policiais concluem curso de formação em escolta penitenciária no Acre


Inicialmente, os alunos receberam diversas instruções na área de Direitos Humanos

AGÊNCIA DE NOTÍCIAS

A Polícia Civil, por meio do Grupo de Treinamento Policial (GTP), encerrou neste sábado de Carnaval, 10, o curso de capacitação para agentes de segurança do Instituto de Administração Penitenciaria (Iapen), Polícias Civil e Militar.

O GTP já promoveu capacitações nas áreas de Investigação de Homicídio e de Adaptação a Selva/Foto: Assessoria Sesp

Inicialmente, os alunos receberam diversas instruções na área de Direitos Humanos, Legislação, Documentação Técnica, Condução e Escolta Penitenciária. Os trabalhos prosseguiram, na sede do GTP, com o último módulo, com foco em tiro policial, realizado no Clube de Tiro e Caça do Acre, no Segundo Distrito de Rio Branco.

O secretário de Segurança Pública, Emylson Farias, prestigiou a instrução de encerramento do curso. “A intenção é atualizar e promover capacitação a todos os nossos agentes de segurança, melhorando ainda mais, o atendimento ao cidadão que precisa dos nossos serviços, bem como avaliar a aptidão dos nossos profissionais que estão diuturnamente na missão de proteger a sociedade”, destacou o gestor da pasta.

Atividade foi finalizada neste sábado, 10, com a disciplina prática de tiro policial/Foto: Assessoria Sesp

De acordo com o delegado Nilton Boscaro, o GTP já promoveu capacitações nas áreas de Investigação de Homicídio, Estágio Técnico-Policial, Estágio de Adaptação a Selva, Liderança de Agrupamento, Curso de Arma de Condutividade Elétrica. Agora, o grupo prepara formações nas áreas de Investigação, Busca e Apreensão e Inteligência.

Denis Guimarães, agente penitenciário é um dos alunos do curso do GTP. Ele destacou a importância da formação: “As técnicas de condução e emboscada, entre outras disciplinas do curso, agregam conhecimento ao profissional de segurança”, ponderou.

comentários

Outras Notícias

Veja Também