29.3 C
Rio Branco
1 dezembro 2021 7:56 pm

“Profissionais estão morrendo”, denuncia técnico em radiologia em manifesto na Aleac

POR

Última atualização em 05/06/2014 16:14

radiologistasprotesto

Dezenas de técnicos em radiologia que prestam serviços na rede pública de saúde estiveram na manhã de quinta-feira (5) na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac) para protestar contra o excesso na carga de trabalho, a falta de regularização da profissão e de pagamento por insalubridade, e pela criação do Plano de Cargos, Carreiras e Salários para a categoria.
Logo após ocuparem as galerias da Casa, os técnicos foram recebidos pela Comissão de Saúde para exporem seus pontos de reivindicações.

 

radiologistas

Para a deputada Toinha Vieira (PSDB), membro da Comissão de Saúde, as reivindicações dos técnicos são legítimas e caberá à Aleac mediar a construção de um projeto que os contemple.

“Não temos dúvida que o trabalho deles é importante para nosso estado e precisamos valorizá-los”, declarou, ainda na tribuna da Aleac, minutos antes de ir para a sala de reunião.

Para o presidente do Sindicato dos Técnicos em Radiologia, Jean Marcos, é preciso apoio parlamentar para que se aprove o anteprojeto de lei que está em construção.

Ele também pediu apoio parlamentar para que haja conversas de negociação com a equipe do governo.

“Já tivemos uma primeira conversa com o governo, mas não atendeu a todas nossas reivindicações. Precisamos de socorro. Os profissionais estão morrendo”, disse, referindo-se aos profissionais que adquirem doenças no exercício da profissão de técnico.

O presidente da comissão, deputado Eduardo Farias, se comprometeu a trabalhar em prol dos técnicos de radiologia e sugeriu que em quatro meses seja criada uma comissão extra para analisar, ponto a ponto, o projeto que visa atender a demanda dos profissionais.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.