Rio Branco, Acre,


Bolivianos roubam moto em Brasileia, trocam tiros com PM, e um morre em confronto

Homem que ocupava garupa teria usado revólver calibre 32 para atirar contra policiais durante perguição

bolivianoDois homens foram perseguidos pela Polícia Militar na noite desta segunda-feira (17), em Brasileia, na fronteira com a Bolívia, após roubarem uma motocicleta modelo Bros, que estava estacionada em frente ao Centro Cultural da cidade.

A dupla, de nacionalidade boliviana, cujos nomes ainda não foram identificados, tentou fugir com a motocicleta para Cobija, capital do departamento de Pando, mas foi perseguida por uma guarnição da Polícia Militar.

Os dois homens, que teriam atirado contra os policiais, abandonaram a motocicleta e tentaram fugir em outra moto, modelo King, com placa da Bolívia.

O homem que ocupava a garupa da motocicleta teria atirado com um revolver calibre 32 contra a guarnição da PM. Ele foi alvejado pela polícia e morreu imediatamente. O comparsa foi imobilizado e encaminhado à Delegacia Central de Brasileia.

Atualização às 9h58 de terça-feira (18)

O delegado Sérgio Lopes suspeita que os bolivianos sejam os mesmos que cometeram crime de latrocínio há duas semanas, quando mataram Gentil de Almeida Costa, 59 anos, natural de Minas Gerais (MG), conhecido como ‘Mineiro’.

O boliviano Oswaldo Hurtado Aguilera, natural de Beni, permanece preso na delegacia de Brasileia. O comparsa dele, que ainda não foi identificado porque portava documentos, morreu.

Na manhã desta terça, o comandante do 10º Batalhão,  capitão Estene Barbosa, e o subcomandante 2º Tenente Edmilson Silva, estão reunidos no consulado boliviano tratando as providências que serão tomadas ao preso e ao morto.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up