Rio Branco, Acre,


Como vice, César Messias gastou R$ 1,5 milhão com carros e combustíveis em ano eleitoral

Deputado aguarda informações a serem repassadas pelo ex-diretor da vice-governadoria do Acre para esclarecimentos

cesarmessias
Deputado César Messias foi vice dos governadores Binho Marque e Tião Viana

O deputado federal César Messias (PSB) gastou dos recursos do Estado do Acre R$ 1,5 milhão para aluguel de veículos e compra de combustível ao longo de 2014. Até o fim do ano passado, Messias ocupava o cargo de vice-governador na gestão Tião Viana.

Conforme levantamento feito por ContilNet junto ao Portal da Transparência, os maiores gastos aconteceram nos meses da campanha eleitoral, quando o vice estava afastado para disputar uma cadeira na Câmara.

PUBLICIDADE

Em outubro, mês da votação, o gabinete do então vice-governador desembolsou, somente com o aluguel de carros, R$ 172 mil com Lopes & Cavalcante.

A empresa faturou, de fevereiro a dezembro, pouco mais de R$ 1 milhão ao fornecer o mesmo serviço para o gabinete. Em julho, primeiro mês oficial da campanha eleitoral, o governo pagou outros R$ 114 mil a Lopes & Cavalcante.

Já com combustíveis, o vice-governador teve uma despesa de R$ 498 mil com um único posto de combustível em Rio Branco.

Desde que passou a ocupar o cargo de vice-governador –ainda na gestão Binho Marques – Messias foi destacado para ser o principal articulador político do governo e da coligação Frente Popular no Vale do Juruá, seu reduto eleitoral, região onde exerce grande influência.

De acordo com o Portal da Transparência, em dezembro, período em que o deputado se preparava para deixar o gabinete de vice-governador, o governo desembolsou R$ 287 mil com o posto de gasolina beneficiado desde fevereiro com os pagamentos.

Segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), César Messias declarou uma receita de R$ 336 mil em sua campanha para deputado federal, com gastos declarados de R$ 339 mil. Ele declarou ao TSE patrimônio de R$ 4,4 milhões.

Outro lado

A reportagem procurou a assessoria de imprensa do governo para pedir esclarecimentos sobre os gastos, mas até o momento não houve retorno. Por sua vez, o deputado federal César Messias afirmou que aguarda informações a serem repassadas pelo ex-diretor da vice-governadoria para esclarecimentos. A assessoria disse que até esta sexta-feira (28) os dados estarão disponíveis.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up