Rio Branco, Acre,


Vai ser difícil o governo do Acre explicar o gasto de R$ 448.062,45 na aquisição de combustível, só via gabinete do vice-governador, César Messias

Abuso de poder

Vai ser difícil o governo do Acre explicar o gasto de R$ 448.062,45 na aquisição de combustível, só via gabinete do vice-governador, César Messias (PSB), em 2014, principalmente durante a campanha.

PUBLICIDADE

O vice era candidato

Pior: o então vice-governador, César Messias (PSB), era candidato a deputado federal e terminou a eleição bem votado e eleito.

Disponíveis o site

Os números que revelam o abuso de poder econômico do governo estão disponíveis no portal transparência. Não precisa ser nenhum Sherlock Holmes para descobrir as traquinagens estatais. Veja a seguir o quadro demonstrativo dos gastos:

mar/14            18.387,60

mai/14            15.570,46

jun/14             36.971,45

ago/14             35.342,62

set/14              22.650,42

out/14             32.009,40

dez/14             287.130,50

TOTAL         448.062,45

Campanha anti-elite

Presidente do Sindicato dos Servidores da Educação e de bem com a categoria, por que provou isso na última campanha salarial que culminou com uma greve de dois meses, Rosana Nascimento inicia, pela internet, outra briga: a luta pela diminuição nos super salários pagos o Acre.

Dinheiro da elite petista  

Ninguém repara, mas a elite acreana, quase toda entaniçada com o PT, consome todo o dinheiro do Estado. O resto das pessoas, se quiser, fiquem com o Bolsa-Família.

Nomes tucanos

Sobre a candidatura a prefeito do delegado Sérgio Lopes (PSDB), em Epitaciolândia, o presidente do partido, Major Rocha (PSDB), obteve as melhores informações possíveis sobre ele, inclusive do ex-presidente, Marcio Bittar, apaixonado por dois tucanos daquela região: o próprio Lopes e o médico Doutor Edson, que disputou as eleições para deputado federal.

Mão-de-vaca

Quando for para as ruas, disputar as eleições para deputado federal, o ex-senador Aníbal Diniz (PT), que é meu colega jornalista, precisa ser avisado que o eleitor não vota em muquirana, como ele é conhecido. Vai ter que meter a mão no bolso.

João Correia fora do PMDB

Nas eleições do próximo ano o ex-deputado João Correia poderá disputar o pleito, pela primeira vez, fora do PMDB. O nome dele está no quadro faz dias.

Quinhão da vereadora

Disseram ontem à coluna que o PT deu à vereadora Graça da Baixada a região da Transacreana, para ela tentar a reeleição. Tipo assim: todo serviço feito pelo governo e prefeitura naquela região está sendo depositado na conta política dela. E ela não faz falta lá, dando ordem a tratoristas e patroleiros.

Novo ministério

Vai bem o ministério do pastor Elias Oliveira, que deixou a Igreja Renovada para abrir outro templo. No domingo cerca de 250 fiéis participaram do culto.

Melhor abrir igrejas

Como diz o outro: é melhor abrir igrejas do que botecos. Por essa razão não há motivos para briga entre fieis dessa ou daquela denominação.

Efeito dominó

Me disse ontem um senador que, ao consultar o procurador Janot sobre sua possível queda e ouvir dele a opinião mais pessimista possível, a presidente Dilma decidiu levar um mundaréu de gente, a começar pelo presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB). Brasília terá uma carnificina política em breve, segundo o senador.

Prefeito virado

Doutor Betinho (PSDB), prefeito de Assis Brasil, é renitente, não desiste e talvez por isso é que virou o jogo em seu município. Já está em Brasília se viando por recursos.

Agora já era

Depois que Inês é morta a presidente Dilma anuncia extinção de ministérios e corte em cargos comissionados. Dos 22 mil cargos, vi extinguir mil. Dos 49 ministérios, 10.

Negócio lucrativo

Negocio uma fazenda na Transacreana com manejo de madeiras aprovado. Me chamem: [email protected]; 9922-2118; Facebook Evandro Cordeiro.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up