Rio Branco, Acre,


Arquiteto da catedral de Rio Branco, André Ficarelli é símbolo de resistência à ditadura

“Quero morrer no Acre. Sinto-me acreano e dedico esta emoção a todos os acreanos”, disse o padre em 2012, aos 90 anos

catedral
Na década de 1950, desfile da banda de música da extinta Guarda Territorial do Acre e da população de Rio Branco, a partir da Catedral Nossa Senhora de Nazaré, que ainda estava em construção. Foto: FEM/DPH

Além de ser considerado um dos pais da construção da Catedral Nossa Senhora de Nazaré, o padre André Ficarelli, 93, que faleceu nesta quinta-feira (3), em Rio Branco, se despede dos acreanos com o reconhecimento também pela luta contra a ditadura militar no Brasil (1964-1985).

Assim como parte expressiva de líderes católicos da época, Ficarelli conciliava sua atuação eclesiástica com a militância política, lutando pelos direitos humanos em um período sombrio da história brasileira.

PUBLICIDADE

Leia mais:

Morre aos 93 anos frei André Ficarelli, o ‘arquiteto’ da Catedral de Rio Branco

Um dos momentos marcantes de sua atuação, bastante lembrada pelos amigos, foi o dia em que estudantes e trabalhadores realizavam protestos no centro de Rio Branco. Quando a polícia decidiu reprimir o movimento com o uso da força, a igreja serviu como refúgio àqueles que fugiam dos cassetetes policiais.

padreNaquele momento, Ficarelli proibiu a polícia de entrar na catedral. E ele conhecia como ninguém a estrutura do templo, pois foi graças ao seu empenho que a construção saiu do papel.

“A retomada dos trabalhos da construção da catedral que ninguém conseguia dar continuidade, contou com a determinação de Ficarelli”, disse em entrevista recente ao site “AC24horas”, o padre Massimo Lombardi.

Nesta mesma reportagem o padre italiano André Ficarelli afirmou que tinha como desejo morrer em terras acreanas. “Quero morrer no Acre. Sinto-me acreano e dedico esta emoção a todos os acreanos”, afirmou durante missa em ação de graça, realizada em 2012, pelos seus 90 anos de idade.

Para a Igreja Católica, um fato importante para o futuro da catedral foi o desembarque de André Ficarelli, em em Rio Branco, em avião da extinta empresa aérea Cruzeiro. A imprensa local assinalou à época que “vem ao Acre para trabalhar aqui para a glória de Deus e para benefício das almas e da Ordem. (…) Sua atuação como Padre e arquiteto seria preciosíssima”.

E ainda: “… A Catedral Nossa Senhora de Nazaré é grande e luminosa. É seu arquiteto e construtor o Padre André Ficarelli, o qual se inspira para o projeto na Igreja de Santa Sabina, de Roma. A população podia constatar então quanto fosse decadente e acanhada a igrejinha de São Sebastião, a primeira paróquia da Missão, construída em 1912”.

O corpo de André Ficarelli está sendo velado na Catedral Nossa Senhora de Nazaré. Nesta sexta-feira (4), a partir das 15h, será celebrada a missa de corpo presente.

Pesar

O governador Tião Viana, que lidera uma comitiva de empresários do Acre em viagem à Itália e Israel, divulgou uma nota de pesar. Além de Viana, a nota também é assinada pela vice-governadora Nazareth Araújo e pela primeira-dama Marlúcia Cândida.

Eis a nota:

“O governador do Estado do Acre, Tião Viana, a vice-governadora, Nazareth Araújo, e a coordenadora do Acre Solidário, Marlúcia Cândida, manifestam o mais profundo pesar pelo falecimento do Frei André Ficarelli, ocorrido nesta quinta-feira, 3.

Frei André Ficarelli chegou ao Acre em janeiro de 1950. Aqui fez da sua vida missionária o caminho para ajudar na construção das bases de uma Igreja voltada para servir aos mais necessitados. Além da formação espiritual, foi o responsável direto pela construção da Catedral Nossa Senhora de Nazaré, em Rio Branco.

O Acre agradece ao Frei André pelo seu amor à Igreja, que o levou a se empenhar durante toda a vida pela justiça e a fraternidade, sempre trabalhando pela edificação da sociedade. Os acreanos perdem um homem que fez da vida uma permanente demonstração de fé, de luta pela liberdade e da defesa dos valores cristãos.

Deus vai receber no Céu um servidor que honrou seus ensinamentos a cada minuto vivido aqui na Terra. Descanse em paz, amado Frei André! O senhor foi uma linda lição de vida, honradez e amor ao próximo.

Tião Viana
Governador do Estado do Acre

Nazareth Araújo
Vice-governadora do Estado do Acre

Marlúcia Cândida
Coordenadora do Acre Solidário”

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up