Rio Branco, Acre,


Osmir diz que PSDC voltou atrás porque não recebeu apoio dos demais partidos nanicos

"Faltou ele compreender algumas coisas", diz Osmir sobre revolta de Eber

Vice-presidente do PSDC, Osmir Lima/Foto: Secom
Vice-presidente do PSDC, Osmir Lima/Foto: Secom

O vice-presidente do PSDC, Osmir Lima, afirmou na tarde de segunda-feira (21) que há “imensa confusão” a respeito da nota de retratação do partido e da criação do que seria a Frente Alternativa Independente.

O ex-deputado constituinte afirma que alguns líderes de partidos pequenos não quiseram apoiar o PSDC. Diante do impasse, a executiva estadual foi convencida a escrever a carta se retratando da acusação pública por terem afirmado que o governador Tião Viana (PT) tentou destituir a executiva do PSDC, via Brasília.

PUBLICIDADE

Lima, não cita nomes, nem dos apoiadores e nem dos omissos, mas ressalta, que na hora de se mostrar coeso, o bloco não se manteve de acordo com a ideia original.

O dirigente acrescentou que a formação da natimorta Frente Alternativa Independente pretendia discutir o novo cenário político. Ele disse que compreende a insatisfação do deputado Eber Machado, líder do PSDC na Assembleia.

“É perfeitamente compreensível a forma que o deputado Eber está se sentindo. Faltou ele compreender algumas coisas”, concluiu, sem detalhar, Osmir Lima.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up