Rio Branco, Acre,


Por falhas de comunicação, veículos roubados podem ser leiloados sem conhecimento dos donos

Veículos estariam sendo leiloados sem conhecimentos dos donos/Foto: ContilNet
Veículos estariam sendo leiloados sem conhecimentos dos donos/Foto: ContilNet

Por falta de integração nos sistemas de monitoramentos e registro de bens furtados ou apreendidos por irregularidades, carros e motos são leiloados no pátio do Departamento Estadual de Trânsito do Acre, em Rio Branco, nos municípios do interior do Estado.

Como os veículos apreendidos por motivos variados são registrados em diferentes programas, não são encontrados por seus por seus proprietários e chegam a passar até 90 dias no pátio do Detran.

PUBLICIDADE

A Polícia Civil, o Detran e a Polícia Rodoviária Federal são responsáveis pelas apreensões, mas possuem programas diferentes de registro.

Diretor Tiago de Amorin
Diretor Tiago de Amorin

A quantidade de apreensão de veículos por furtos é enorme, porém, devido a falta de estruturação do serviço de segurança, alguns proprietários desconhecem onde buscar o automóvel ou motocicleta.

O diretor do controle de veículos apreendidos do Detran, Tiago de Amorin, reconhece que o serviço é falho por falta de integração e não atende a demanda.

“Depois de 90 dias que esses bens estão aqui no Detran, são levados para leilão, caso os donos não apareçam para resgatá-los,” disse Amorim.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up