Rio Branco, Acre,


Presidente do Sindicato dos Bancários e filho são vítimas de sequestro em Rio Branco

O pai e o filho foram vendados, amarrados e deixados em uma colônia localizada em Vila Campinas

As vítimas conseguiram escapar e acionar a polícia/Foto: Arquivo pessoal
As vítimas conseguiram escapar e acionar a polícia/Foto: Arquivo pessoal

O presidente do Sindicato dos Bancários do Acre, Edmar Batistela, e um filho menor de idade, foram alvos de um sequestro relâmpago em frente a própria casa, localizada no bairro Santo Afonso, em Rio Branco, na noite de quarta-feira (15). A caminhonete da vítima foi roubada pelos criminosos.

De acordo com a esposa, Edmar saiu de casa por volta das 19h para buscar o filho em uma festa no bairro Calafate, em sua caminhonete, uma hilux de placas NXR 2987. Quando voltaram, já na frente de casa, eles foram abordados por quatro homens que saíram de um matagal, que fica na frente da residência.

PUBLICIDADE

O pai e o filho foram vendados, amarrados e deixados em uma colônia localizada em Vila Campinas. Quando conseguiram se desamarrar, pediram ajuda na rodovia. Os criminosos fugiram levando a caminhonete, um notbook, carteira com cartões, documentos e uma aliança.

A esposa chegou a registrar um Boletim de Ocorrência para informar o desaparecimento de Edmar logo após perceber que havia algo errado pela demora em retornar para casa. Mas logo pela manhã usou as redes sociais para informar que o marido e o filho haviam sido encontrados.

“Edmar percebeu que não tinha ninguém, soltou meu filho e meu filho o soltou e andaram em direção aos barulhos dos carros, pois imaginavam que era a BR. Lá conseguiram carona num caminhão e ficaram na Polícia Rodoviária Federal, de onde me ligou pedindo pra ir buscá-los. Nessa hora eu ainda estava na delegacia com meus amigos. Graças a Deus, ao empenho e oração de todos eles estão bem”, disse a esposa.

 

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up