Idosa encontra cobra jiboia embaixo de planta no quintal de casa em Rio Branco


As cobras e aranhas são muito comuns neste período do ano, uma vez que, devido às chuvas, existe maior quantidade de alimentos

G1 ACRE

A dona de casa Letícia Ferreira, de 63 anos, encontrou uma serpente no quintal de casa na Estrada Pólo Belo Jardim, na zona rural de Rio Branco. Segundo o ela, o bicho encontrado na última semana havia se alimentado e estava escondido embaixo de uma planta dentro da propriedade.

Dona de casa encontrou jiboia no quintal de casa em Rio Branco/Foto: Letícia Ferreira/Arquivo pessoal

Diferente de quem acaba optando por matar o animal, Letícia diz que fez questão de ficar “cuidando” para que a cobra fosse embora de maneira segura. A dona de casa acrescenta que, apesar de ter acionado o Corpo de Bombeiros, ficou em torno de duas horas até que a serpente voltasse à mata.

“Foi a primeira vez que vi de perto. Não tenho medo de cobra, mas não vou facilitar. Eu acho é bonito. As cachorras começaram a latir e ela [cobra] saiu devagar. Ela estava quieta. Ela ia atravessar a rua e fiquei cuidando para os carros não baterem. Ela atravessou e depois foi embora”, relata.

A cobra é uma jiboia, com nome científico Boa constrictor, de acordo com o biólogo Moisés Barbosa de Souza, da Universidade Federal do Acre (Ufac). O animal é não é peçonhento e alimenta-se basicamente de pequenos mamíferos e aves.

Serpente estava escondida embaixo de planta, diz dona de casa/Foto: Letícia Ferreira/Arquivo pessoal

Souza ressalta que a jiboia é muito comum neste período do ano, uma vez que, devido às chuvas, existe maior quantidade de alimentos. “Geralmente, esses animais se reproduziram em novembro e dezembro. Então, é possível encontrar com grande frequência nesse período, que é farto de alimentos, com o sapos”, explica.

Além disso, o biólogo acrescenta que as chuvas, comuns nos primeiros meses do ano, também podem influenciar no comportamento das cobras. “Também é um período em que muitas podem ficar desabrigadas por causa da água e elas saem de um lugar para outro, mas não tem veneno”, finaliza.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários



Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Outras Notícias

Veja Também