RO: Projeto de Lei quer elevar em quase 1m reservatório de usina hidrelétrica


Projeto de Lei quer elevar em quase 1m reservatório de hidrelétrica

TON LINDOSO, DA CONTILNET

Um Projeto de Lei discutido em Rondônia, estado vizinho, está sendo alvo de discussões. Sob a justificativa de aumentar a segurança energética para Rondônia e Acre, a proposta do projeto de Lei Complementar 102/2016 apresentado pelo governo de Rondônia e aprovado na quarta-feira (11) pela Assembleia Legislativa permite elevação do reservatório da Usina de Santo Antônio em 80 cm.

De acordo com o texto do projeto, que já repercute nos jornais locais, a iniciativa teria capacidade de injetar no sistema Acre/Rondônia 417 megawatts. A hidrelétrica possui seis turbinas que produzem energia com exclusividade para Rondônia e Acre.

De acordo com o Governo do Estado de Rondônia, a medida é realizada com responsabilidade ambiental. Nada foi divulgado sobre impactos ambientais. Dos recursos prometidos com a iniciativa, destaca-se R$ 81 milhões de reais em compensações sociais para municípios de RO. Deste total, R$ 30 milhões serão destinados a prefeitura de Porto Velho.

Hidrelétricas em Rondônia e cheias assustadoras registradas no Rio Madeira/Foto: Reprodução

Cheia assustadora

O Rio Madeira, na altura da Usina de Santo Antônio, foi lugar de uma cheia assustadora em 2014. No mesmo ano, o clima tenso provocou rivalidade entre as hidrelétricas Jirau e Santo Antônio. Ambas trocam, desde então, farpas e tentam achar o ‘verdadeiro’ culpado pelas cheias.

No começo do ano, ambas as usinas foram convocadas para a primeira reunião da Sala de Crise do Rio Madeira. O objetivo era discutir a cheia do rio e a reunião, na sede da Agência Nacional de Águas (ANA) e por videoconferência, contou com a presença de executivos públicos e responsáveis pelas empresas concessionarias que operam nas usinas.

Outras Notícias

Veja Também