Bravura de uns, indiferença de outros e uma conclusão inevitável sobre segurança pública


O descaso do governo em relação ao esforço dos agentes penitenciários, ao evitarem três tentativas de fuga, é mais um insulto contra todos nós

Foto capa ARCHIBALDO ANTUNES, DA CONTILNET

Honra ao mérito

A coluna deste sábado é iniciada com uma referência elogiosa ao trabalho dos agentes penitenciários do estado, que pela terceira vez em pouco mais de uma semana evitaram a fuga de detentos.

Contexto

Desta vez – e novamente –, foram os agepens de Cruzeiro do Sul, lotados no presídio Manoel Neri da Silva, que conseguiram frustrar, ontem (25), a evasão em massa de presos. Estes haviam cavado um buraco na cela de número 8, e com uso de armas artesanais certamente tentariam render a guarda a fim de obrigá-los a abrir as demais celas do pavilhão.

Testemunha 

Acompanho de longa data a batalha dos agentes penitenciários do Acre pelos direitos da categoria – inclusive o de portar arma de fogo fora do serviço, o que antes não lhes era permitido. Trata-se de uma medida mais do que justa, haja vista aos riscos inerentes à profissão.

Ao menos uma medalha

Entre tantas homenagens desmerecidas de que já fui testemunha no governo de Tião Viana, esperava que ele fizesse uma aos agepens. Afinal, a categoria tem cumprido suas atribuições com um arrojo em desacordo com as condições de trabalho que lhe são oferecidas.

Apatia

A indiferença de Tião Viana em relação ao trabalho daqueles que têm evitado que as ruas da capital e do interior se tornem ainda mais perigosas, é mais uma prova da inépcia do seu governo no que diz respeito à segurança pública.

Elucubração baseada em exemplos passados

Fosse o caso, porém, de um dos correligionários ser acusado de falcatruas ou um adversário político agredir a esposa, o leitor veria o tamanho do rebuliço que os companheiros haveriam de fazer.

Nada a declarar

Mas como não se trata de nenhum desses casos, o governador e seus áulicos se mantêm indiferentes à dedicação dos que verdadeiramente trabalham neste estado.

Registro da coluna

Aliás, a maior homenagem que os petistas poderiam fazer aos agentes penitenciários, estendo-a inclusive aos policiais militares e civis, seria pagar a todos eles salários mais dignos, proporcionais aos riscos de uma profissão que a grande maioria deles exerce com afinco e destemor.

Concordância

Entrevistado do Bar do Vaz desta semana, o pré-candidato ao Senado pelo MDB, Marcio Bittar, se disse a favor da prisão perpétua e da revogação do Estatuto do Desarmamento – dois temas apoiados também por este colunista.

De estarrecer

Fico pasmo diante da desfaçatez de alguns internautas a comemorar o preço dos combustíveis e a enorme confusão causada pela greve dos caminhoneiros.

Gente sem-noção

O cinismo dessa gente é tamanho, que nesta semana me deparei com uma postagem na qual o autor afirmava torcer para que o preço do litro da gasolina venha a chegar a 10 reais. É claro que nem preciso dizer a qual partido pertence o fanfarrão, não é mesmo?

Efeito colateral

E por falar na mobilização dos caminhoneiros, os governos estadual e federal trataram de recorrer à justiça contra a obstrução das estradas, cujas consequências daninhas foram sentidas ontem à noite no Acre pelos passageiros da Latam.

Tanque vazio

Como já ficou sabendo o leitor deste portal, a empresa aérea cancelou dois voos sob a alegação de faltar combustível para as aeronaves. É que com a interdição das rodovias que dão acesso à capital, o produto não tem chegado aos reservatórios.

Na marra

Contra a decisão da juíza Maria Olívia Ribeiro, ontem (25), de acatar a liminar impetrada pelo governo, pedindo a desobstrução da AC-40, a justiça expediu mandado de reintegração de posse da rodovia. A magistrada autorizou inclusive o uso da força policial caso haja desobediência por parte dos manifestantes.

Uso da força

Da mesma forma, o governo federal mobiliza as forças policiais e até mesmo homens do Exército para fazer cumprir a sentença da justiça federal expedido contra o bloqueio das principais rodovias do país.

Reação

Além disso, o ministro Raul Jungmann (Segurança Pública) mandou a Polícia Federal investigar se há, por trás do movimento, a existência de locaute – termo que nomina o movimento de empregadores de um determinado setor que visa interesses próprios.

Observação necessária

Isso não seria necessário caso os governos do PT não houvessem saqueado a Petrobras, conduzindo a economia nacional para o abismo, ou se Michel Temer tratasse de diminuir a gula do estado brasileiro pelo dinheiro oriundo da arrecadação de impostos.

comentários

Outras Notícias