Em discurso, Tião Viana volta a culpar Michel Temer pelo aumento da violência no Acre


"Não temos nenhuma obrigação de recolher bandidos oriundos do tráfico de drogas", disse Tião

SALOMÃO MATOS, PARA CONTILNET

O governador Tião Viana, voltou a culpar o governo federal pela criminalidade no Acre. O fato aconteceu durante solenidade na manhã desta segunda feira (14), durante a entrega de viaturas e coletes balísticos para Policia Militar. Tião disse que Michel Temer é o principal culpado pela a crescente onda de violência que tem tomado conta do estado nos últimos anos.

“A omissão permanente do governo federal impede que combatamos com eficiência o crime. O Exército e a Policia Federal tem feito o seu trabalho junto com a nossa gloriosa PM combatendo o crime. Mas sem recursos é impossível”, lamentou o governador.

Tião Viana e Michel Temer/Foto: reprodução

Tião Viana também falou dos investimentos que o seu governo vem fazendo nas áreas de segurança pública e disse que a Policia Militar do Acre tem o 4º melhor salário do Brasil atualmente.

“Pagamos os salários em dia, diferente de alguns estados. Em no máximo 40 dias a nossa PM vai estar recebendo novos fardamentos, além do reforço com mais viaturas e mais motocicletas”, garantiu o governador.

Em relação a superlotação nos presídios do Acre, Tião Viana disse que houve a ampliação dos complexos prisionais no estado e que mais vagas serão criadas.

“Temos hoje uma população carcerária de mais de 3 mil presos e estamos ampliando mais mil vagas. Mas (…) não temos nenhuma obrigação de recolher bandidos oriundos do tráfico de drogas. Fazemos fronteira com os maiores produtores de cocaína do mundo e precisamos da atenção devida por parte do governo Federal. Gastamos  mais de R$ 50 milhões só com alimentação desses detentos, quando poderíamos estar investindo em educação”, disse Tião Viana.

comentários

Outras Notícias

Veja Também