Mesmo inaugurado, Centro Esportivo da Sobral só deve ser entregue definitivamente à população em outubro


Estranhamente, obra foi inaugurada em março deste ano, pouco antes de Marcus Alexandre deixar prefeitura para concorrer às eleições

SALOMÃO MATOS, PARA CONTILNET

Estranhamente o Centro de Iniciação ao Esporte da Baixada da Sobral, inaugurado à “toque de caixa” em março deste ano pelo ex-prefeito Marcus Alexandre, parece que foi entregue à comunidade às pressas e sem estar devidamente pronto para as práticas esportivas e só deve mesmo ser finalizado mesmo, em outro de 2018.

Inauguração do Centro Esportivo/Foto: reprodução

A constatação foi exposta no Diário Oficial do Acre de segunda feira (7), quando um termo aditivo foi publicado a pedido da empresa Adiminn Construções requerendo um prazo de mais 150 dias para entregar o Centro. A obra já custou aos cofres públicos R$ 5.338.791,93 ( cinco milhões, trezentos e trinta e oito mil, setecentos e noventa e um reais e noventa e três centavos).

Entrega simbólica?

Na cerimônia de inauguração pelo ex prefeito Marcus Alexandre, que deixou o cargo para concorrer na disputa do Palácio Rio Branco, foi feita uma verdadeira festa para uma obra ainda em andamento, houve queima de fogos e até banda de música com a presença de várias autoridades da política além de desportistas, incluindo o comentarista esportivo e ex-jogador de futebol Zinho, que atuou como atacante do Flamengo e da Seleção Brasileira, e a ex-jogadora de basquete Iziane Castro (da seleção brasileira e da WNBA, a liga profissional de basquete feminino dos Estados Unidos), até mesmo o ex-ministro do esporte e atual deputado federal George Hilton, além da presença da comunidade da Baixada da Sobral.

A inauguração sem que a obra estivesse realmente concluída foi, ao que tudo indica, um mero espetáculo para que Alexandre aparecesse “na fita” como o autor do projeto enquanto gestor do município antes de deixar o cargo dentro do prazo que estipula o calendário eleitoral.

 

comentários

Outras Notícias

Veja Também