Trio é condenado a 32 anos de prisão por manter ‘delivery’ de drogas no interior do Acre


Um dos acusados estava sob investigação e, quando preso, admitiu que traficava há cerca de dois anos junto com a esposa

REDAÇÃO CONTILNET

A justiça de Cruzeiro do Sul julgou procedente a denúncia contra trio que mantinham um “disque-drogas” no município. As penas somadas ultrapassam 32 anos de condenação.

Dois dos condenados receberam sanção por integrar organização criminosa,  e todos os três foram denunciados pelo tráfico de entorpecentes.

Entenda o caso

De acordo com o processo, um dos acusados estava sob investigação e, quando preso, admitiu que traficava há cerca de dois anos, em associação com sua esposa. Posteriormente, verificou-se que essa participava ativamente da mercancia da droga, gerenciando as ligações e vendas. Por fim, o terceiro indiciado utilizava a profissão de motoboy para entregar o material encomendando.

 

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários



Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Outras Notícias

Veja Também