Jovem incendeia colchão na Pousada Aquiry e chamas danificam parte da fiação elétrica


Internado no local por delito cometido quando ainda era menor de idade, o acusado tem 20 anos e agora vai responder pelo crime na justiça comum

REDAÇÃO CONTILNET

Samuel Sousa da Costa é apontado por agentes socioeducativos de atear fogo a um colchão do alojamento 4 da Pousada Aquiry. As chamas foram contidas, mas se espalharam a ponto de danificar algumas tomadas do corredor. O fato ocorreu na tarde desta terça-feira (12)

O acusado está internado no local há três anos, desde que cometeu um delito como menor de idade. Só que dessa vez, por ter 20 anos, vai responder pelo crime na justiça comum.

Como não é mais menor de Idade, o acusado perdeu as regalias legais/Foto: cedida

Samuel foi levado para a Delegacia Central de Flagrantes, acusado de crime contra o patrimônio público.

Após ser ouvido pelo delegado, o rapaz deveria ser encaminhado à audiência de custódia, na qual o juiz deverá determinar a pena para o crime e se ele ainda voltará para a Pousada, a fim de cumprir o restante da medida socioeducativa.

comentários

Outras Notícias

Veja Também