Laboratório que atendia pacientes com malária é saqueado em Cruzeiro do Sul


Os criminosos levaram equipamentos elétricos e eletrônicos, móveis e utensílios

REDAÇÃO CONTILNET

O laboratório que analisava a eficácia do tratamento de malária em Cruzeiro do Sul foi saqueado no último fim de semana. A sala funcionava no prédio da antiga Santa Casa desde abril e teve a janela arrombada.

No local 257 pacientes eram acompanhados. Os criminosos levaram equipamentos elétricos e eletrônicos, móveis e utensílios.

Microscópio, reagentes para coloração das lâminas, luvas, tubos de coleta de sangue, computador, impressora, telefone, moldem da internet, balança digital, centrífuga e outros equipamentos, inclusive caixas térmicas que eram usadas para o transporte de sangue.

Os criminosos levaram equipamentos, eletrônicos, móveis e utensílios/Foto: arquivo pessoal

A sala funcionava através de convênio das secretarias estadual e municipal de Saúde, com apoio do Centro de Doenças Infecciosas dos Estados Unidos e o Programa Nacional de Controle da Malária.

Na sala eram coletados material de pacientes que estão envolvidos no projeto de pesquisa que são acompanhados periodicamente. A médica registrou um boletim na delegacia e espera que polícia possa encontrar os equipamentos para que os trabalhos do projeto possam ter continuidade.

comentários

Outras Notícias

Veja Também