Morre jornalista José Avelino Neto, idealizador do primeiro jornal impresso do Quinari


Zezinho, como era conhecido, estava internado no Hospital das Clínicas para tratar diabetes e hepatite C

REDAÇÃO CONTILNET

Morreu na manhã desta quarta-feira (25) aos 57 anos de idade, o jornalista José Avelino Neto, o Zezinho do Quinari, como era conhecido na cidade em que viveu e trabalhou a maior parte da vida. Internado no Hospital das Clínicas em decorrência de complicações causadas pela hepatite C e o diabetes, ele não resistiu ao tratamento. O enterro está marcado para esta quinta, no cemitério de Senador Guiomard.

Zezinho exercia a função de secretário de comunicação na gestão do prefeito André Maia (PSD), que decretou dois dias de luto oficial no município. “Zezinho vai nos deixar muitas saudades. Esperamos que sua família tenha forças para superar essa perda”, disse Maia.

Atual Senador Guiomard, a antiga Quinari ganhou seu primeiro jornal graças a Zezinho/Foto: reprodução

Jornalismo nas veias

Nascido em 1962, em Rio Branco, José Avelino escolheu viver no Quinari, onde criou o primeiro jornal impresso do município, de circulação mensal. Abnegado ao trabalho e afeiçoado ao jornal, passou a ser conhecido como pai de sete filhos – sendo que o sétimo era o periódico ao qual dedicava especial afeição.

Outra de suas paixões era o Carnaval, e foi assim que se tornou o principal responsável pela organização de alguns deles no município.

José Avelino deixa esposa e seis filhos.

comentários

Outras Notícias

Veja Também