Vacinas contra HPV aplicadas no Acre causaram reações negativas em adolescentes


EVERTON DAMASCENO, DA CONTILNET

Durante discurso na tribuna da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac) nesta quarta-feira (4), o deputado Jenilson Leite (PCdoB) trouxe insatisfações de moradores dos municípios do Acre sobre as reações neurológicas adversas das vacinas contra o HPV (doença sexualmente transmissível).

Informado sobre o surgimento de sintomas negativos em algumas pessoas que tomaram a vacina, o político disse que o estado deve tratar urgentemente da demanda.

“Isso é preocupante e o estado precisar dar uma resposta a população sobre os ocorridos”, enfatizou.

De acordo com o deputado, alguns países que adotaram o medicamento, sofreram com o surgimento de síndromes relacionadas à medicação, em especial a Inflamatória Autoimune (SAI).

No Acre, a Secretaria do Estado de Saúde (Sesacre), não se manifestou sobre o assunto.

comentários

Outras Notícias

Veja Também