Suposto membro de facção teria se casado com criança de 12 anos no interior do Acre


Prisão ocorreu na última segunda-feira (16) em Cruzeiro do Sul

REDAÇÃO CONTILNET

Camilo Rodrigues, de 19 anos, foi preso na última segunda-feira (16) em Cruzeiro do Sul. O jovem é suspeito de integrar uma facção criminosa e planejar crimes contra casas de agentes de segurança. Além de ser membro de facção, Camilo também responderá por estupro de vulnerável porque era casado com uma menina de 12 anos.

Camilo Rodrigues, preso na última segunda-feira (16) (Foto: Reprodução)

Desde maio, a Polícia Civil investigava o incêndio na casa de um policial militar que residia no bairro 25 de agosto em Cruzeiro do Sul. Segundo o delegado, com a prisão do suspeito, a polícia esclareceu o ataque à casa de um agente públicoente público.

De acordo com odelegado Alexnaldo Batista, os criminosos faziam uso e comércio de entorpecentes, e que o alvo não importava – desde que fosse alguém das forças de segurança.

Uma menina de 12 anos confirmou que era casada com o suspeito e, por isso, ele deve responder por estupro de vulnerável. “Mantinha relação marital com uma menor de 12 anos há cerca de um ano. O fato foi confirmado pela adolescente na presença de sua mãe e pelo incêndio criminoso na casa do policial”, disse.

O suspeito foi encaminhado para o presídio Manoel Néri.

comentários

Outras Notícias

Veja Também