“Tião Viana está cometendo crime de omissão contra as mulheres acreanas”, dispara Sinhasique


" Tião Viana está cometendo crime de omissão contra as mulheres acreanas!", dispara Sinhasique

ASTORIGE CARNEIRO, DA CONTILNET

A deputada estadual Eliane Sinhasique (PMDB) trouxe uma denúncia gravíssima ao plenário da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac) nesta terça-feira (3). De acordo com Sinhasique, o governador Tião Viana (PT) está “cometendo um crime de omissão contra as mulheres que residem no Acre”.

Deputada Eliane Sinhasique/Foto: Ascom

“Me reuni com representantes do Centro de Controle Oncológico do Acre (Cecon), e soube de uma situação que me deixou com os olhos marejados. Há cerca de três meses, um documento foi enviado para todas as unidades básicas de saúde do Acre para não coletar mais material para o exame preventivo do câncer do colo de útero (PCCU). O motivo? Falta de lamínulas e álcool absoluto”, explicou Eliane.

A parlamentar ainda destacou na tribuna os valores dos materiais em falta: uma caixa com 100 lamínulas custa menos de R$ 8, sendo que um pedido de 120 caixas do material – que totalizaria um valor menor que mil reais – foi feito em dezembro de 2017.

“Quantas mulheres com câncer e outras enfermidades estão sofrendo por causa de um valor tão ínfimo perto do que é gasto nestas viagens do governador? É um crime de omissão sem precedentes na História do Acre. O Tião vai pro Japão e até pra Curitiba defender o Lula com o dinheiro do povo. Enquanto isso, as coletas estão suspensas e a população sofrendo, pedindo socorro”, finalizou Sinhasique.

“NÃO É BEM ASSIM”

Jenilson Leite (PCdoB) rebateu as acusações da deputada, afirmando que a demora dos materiais se deve à burocracia nos processos de licitação para adquirir materiais destinados ao atendimento público.

“Sabemos como são os processos de licitação para adquirir material, é tudo muito burocrático. A morosidade que temos hoje demonstrou que os produtos não chegam no tempo desejado. Discordo apenas de que seja culpa do governador, pois sabemos que não é bem assim”, disse Leite.

Outras Notícias

Veja Também