Câmara de Rio Branco vai realizar audiência pública para discutir efeitos colaterais da vacina contra HPV


Órgãos de Saúde, ANVISA e os ministério públicos estadual e federal foram convidados para a audiência na próxima semana

SALOMÃO MATOS, DO CONTILNET

Na próxima segunda-feira (13), os vereadores de Rio Branco realizarão audiência pública para discutir questões relacionadas aos possíveis efeitos colaterais da vacina contra o HPV, que vem afetando vários jovens supostamente após terem tomado a vacina no Acre.

Para a audiência, o presidente da câmara de Rio Branco, Manuel Marcos, fez publicar em Diário Oficial um Edital de Convocação convidando a participar dos debates o secretário de Saúde do Estado do Acre, representantes do Ministério Público do Estado do Acre, do Ministério Público Federal, da Anvisa, do Conselho Tutelar, da Defensoria Pública Estadual, o Presidente da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Acre (OAB/AC), e da Sociedade Civil Organizada.

Esta semana, a deputada estadual Eliane Sinhasique (MDB) disse, durante discurso na tribuna da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), que as vacinas contra HPV estão causando reações adversas em vários jovens na Capital e também no interior do Acre.

A parlamentar, além de solicitar fiscalização nos lotes dos químicos, informou ainda que duas mães a procuraram para informar que, após a vacina, caroços e hematomas surgiram nos corpos das filhas, além de convulsões e outros sintomas prejudiciais.

SOBRE A VACINA

Previne contra infecções provocadas pelo vírus do papiloma humano, causador de verruga genital e de vários tipos de câncer, como o câncer cervical, mais conhecido como câncer de colo do útero.

comentários

Outras Notícias

Veja Também