Cônsul boliviano propõe integração entre os países no combate aos crime na fronteira


“A finalidade da reunião é solidificar os laços de integração entre Bolívia e Brasil", afirmou o diplomata

SAIMO MARTINS, PARA CONTILNET

O secretário de Segurança Pública, Vanderlei Thomas, esteve reunido em Epitaciolândia com o Cônsul da Bolívia Vladimir Hurtado Menacho. No encontro, o diplomata destacou a importância da integração entre os países, além de informar sobre a troca de comando da Armada Boliviana e também da Polícia Nacional, ambas no Departamento (Estado) de Pando. O encontro ocorreu nesta quinta-feira (2).

Vale ressaltar que a parceria entre os países já existe e tem proporcionado resultados positivos. Porém, com a problemática crescente das fronteiras abertas, considerando a falta de fiscalização no fluxo de pessoas e mercadorias, a região une interesses comuns contra crimes internacionais em ambos países.

Menacho se colocou à disposição para intensificar as ações na região fronteiriça. “A finalidade da reunião é solidificar os laços de integração entre Bolívia e Brasil”, afirmou o diplomata.

Reunião aconteceu em Epitaciolândia/Foto: Cedida

O cônsul disse ainda que pretende trabalhar de forma conjunta com as autoridades brasileiras, por considerar o país importante. “Queremos também ampliar a luta contra o crime organizado que existe na fronteira e é um interesse comum a ambos os países. Vamos trabalhar de maneira conjunta com a Secretaria de Segurança Pública do Acre e com as instituições militares”, declarou.

O secretário Vanderlei Thomas salientou a necessidade de uma política voltada ao diálogo e às ações conjuntas das tropas federais e estaduais brasileiras em parceria com as forças bolivianas.

“Muito nos alegra essa proximidade que temos com as autoridades bolivianas, e essa relação tem trazido resultados muito benéficos tanto do ponto de vista da troca de informações como do enfrentamento à criminalidade. Estou me colocando à disposição para mediar uma aproximação também com as autoridades federais aqui no Acre”, pontuou Thomas.

Com informações da SESP

comentários

Outras Notícias

Veja Também