Detento morre após ser espancado por companheiros de cela em presídio de Rio Branco


Crime aconteceu na tarde desta terça-feira no Francisco de Oliveira Conde


Um detento que cumpria pena no presídio Francisco de Oliveira Conde (FOC) morreu na tarde desta terça-feira (7), após ser espancado até a morte pelos presos que compartilhavam a cela com ele na unidade. O fato aconteceu por volta das 16h.

O preso foi identificado como Emerson Galdino de Souza, de 19 anos. Ele estava na Cela 4 do Pavilhão “E” e foi resgatado pelos agentes penitenciários que chamaram o socorro. Uma unidade de suporte avançado do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada, mas quando chegaram na unidade o preso já estava morto.

A administração do presídio encaminhou todos os suspeitos que compartilhavam a cela com a vítima à Delegacia de Flagrantes (Defla), e vai apurar as circunstâncias que levaram à morte. Os envolvidos deverão responder por homicídio doloso. O Instituto de Administração Penitenciária do Acre (Iapen-AC) informou que deve prestar toda assistência à família.

NOTA DO IAPEN

Leia na íntegra a nota oficial do Iapen sobre o ocorrido:

O Instituto de Administração Penitenciária do Acre (IAPEN) vem a público esclarecer que o óbito do reeducando Emerson Galdino de Sousa, ocorrido na tarde desta terça-feira, 07, no Complexo Penitenciário Francisco de Oliveira Conde, no pavilhão E, cela 4, decorreu em função de agressões sofridas por parte de outros presos da cela em que se encontrava custodiado.

Os autores do homicídio foram conduzidos à Central de Flagrantes para a responsabilização penal.

O IAPEN se solidariza com a família do reeducando morto e está prestando toda a assistência no trâmite administrativo e psicossocial.

Aberson Carvalho de Souza
Diretor Presidente do IAPEN

Outras Notícias

Veja Também