Folha de SP: “Criminalidade e violência no Acre assustam ministra Cármen Lúcia”


Maior site do país repercutiu que ministra voltou do Acre ‘profundamente impactada’

TON LINDOSO, DO CONTILNET

Você viu primeiro na ContilNet que absolutamente todos os magistrados acreanos que tiveram com a ministra Cármen Lúcia, presidente do Conselho Nacional de Justiça, reclamaram da segurança do Estado. O jornalista Frederico Vasconcelos, da Folha de São Paulo, publicou nesta quinta-feira (9) que a ministra ficou assustada.

“Voltou ‘profundamente impactada’ de um encontro com juízes e desembargadores, em Cruzeiro do Sul, no Acre, onde foi discutir a questão da violência e a segurança dos magistrados”, publicou o jornalista.

Onze desembargadores participaram da reunião. De acordo com Fred, um deles mencionou o “banho de sangue permanente” naquela área de fronteira, considerada um corredor do tráfico, onde os homicídios ocorrem à luz do dia.

Cármen Lúcia visita Acre/REUTERS/Ueslei Marcelino

“Quatro juízes auxiliares do CNJ acompanharam a ministra na viagem, fazendo o levantamento das condições do sistema prisional local, obtendo informações sobre instalações físicas, perfil dos presos e quadro de funcionários”, completou o jornalista.

Por ser um conteúdo destinado a assinantes, a reportagem da ContilNet respeita as políticas da Folha de São Paulo não irá reproduzi-lo na íntegra. Caso você tenha permissão para tal, clique AQUI e acesse o conteúdo completo.

loading...

comentários

Outras Notícias

Veja Também