Quatro mulheres são vítimas de agressões por dia em Rio Branco


Foram instaurados 882 inquéritos e 28 casos de estupro

PÂMELA FREITAS, DO CONTILNET

Em média quatro mulheres sofrem violência doméstica por dia em Rio Branco. Os dados são da Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher (Deam), e levam em conta os seis primeiros meses de 2018.

Foram instaurados 882 inquéritos por injúria, ameaças, calúnia, vias de fato, lesão corporal, pertubação da tranquilidade entre outros. Além desses casos de violência doméstica, a delegacia atendeu 28 casos de estupro, na mesma época.

Os números são menores do que os casos registrados em 2017, quando foram registrados 979 casos de violência doméstica e 13 de estupro, totalizando 992 inquéritos instaurados.

Em 2018, o número de mulheres agredidas pelos companheiros, namorados e maridos, entre outros, reduziu para 882. Porém, os casos de estupro aumentaram para 28.

O crime mais registrado contra as mulheres é o de ameça. A Deam atendeu 370 mulheres ameaçadas no primeiro semestre desse ano. Logo em seguida aparece o crime de lesão corporal, com 284 casos.

comentários

Outras Notícias

Veja Também