Após denúncia, prefeitura limpa sujeira e Polícia Militar passará a fazer segurança no Lago do Amor


O construção da obra custou, aos cofres públicos, o valor de R$ 2.958.776,52

SAIMO MARTINS, DO CONTILNET

Depois da repercussão acerca da matéria do Portal ContilNet, de que baderneiros estariam usando o local para consumo de bebidas alcoólicas e uso de substâncias oriundas de fumo, além da sujeira jogada no local. A Polícia Militar do Estado do Acre (PMAC), na noite de domingo (18), passou a fazer ronda ostensiva, com fins de garantir a segurança das pessoas que frequentam o Lago.

PM passou a fazer segurança/Foto: reprodução

A Prefeitura Municipal de Rio Branco, ao saber da sujeira acumulada e jogada pelos “arruaceiros”, de pronto, enviou uma equipe da Semsur para fazer a limpeza, retirando sacolas, garrafas de bebidas e cacos de vidros, que estavam causando risco de um acidente aos visitantes.

O comandante da Polícia Militar do Estado do Acre, Marcos Kinpara, garantiu que fará, a partir de agora, uma fiscalização com o intuito de garantir a ordem social e combater eventos que venham a ocorrer fora da normalidade.

Construção e valores

Construído em uma área de 9.754,05 m² pertencentes ao entorno do Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia (INTO), localizado na BR-364, a construção da obra custou aos cofres públicos o valor de R$ 2.958.776,52 (Dois milhões e novecentos e cinquenta e oito mil e setecentos e setenta e seis reais e cinquenta e dois centavos).

Na inauguração, o governador Tião Viana (PT) declarou aos presentes que a construção serviria para tratamento de saúde de fisioterapia. Porém, até o momento, o local tem sido usado para videoclipe de bandas e ponto de encontro de bardeneiros, que além se perturbar a ordem com sons de veículos estridentes, prejudicam o sono dos moradores que residem no entorno do Lago.

Na última semana, o Lago teve um novo acréscimo na construção do empreendimento, dessa vez, no valor de R$ 85.683,30 (oitenta e cinco mil e seiscentos e oitenta e três reais e trinta centavos). O valor do acréscimo foi publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) de sexta-feira (16).

comentários

Outras Notícias

Veja Também