Colégio Militar do Acre não vai aceitar matrículas de alunos com distorção entre idade/série


Para aceitação do aluno do 6º ano por exemplo, esse deve completar, no máximo, 12 anos de idade até o ano de 2019

SALOMÃO MATOS, DO CONTILNET

O comandante geral do Corpo de Bombeiros no Acre, Coronel Carlos Batista, que administra o colégio militar Dom Pedro II, fez publicar edital na edição do Diário Oficial do Estado (DOE) na manhã desta quinta-feira (08), com as regras e condições de seleção e aceitação de alunos para matricula na unidade de ensino.

Colégio Militar/Foto: Reprodução

Entre as prerrogativas para aceitação de uma aluno do 6º ano, por exemplo, o mesmo deve completar, no máximo, 12 anos de idade até o ano de 2019, ou seja, sem distorção idade/série escolar pretendida para a vaga.

Diz ainda o edital que 50% (cinquenta por cento) das vagas em cada ano serão destinadas para candidatos selecionados entre os dependentes de militares estaduais do Acre e as demais, inclusive as eventualmente remanescentes do percentual acima, serão ocupadas pelos demais candidatos da comunidade civil em geral.

O edital completo pode ser consultado no D.O.E nas páginas 76, 77 e 78, onde também constam o modelo de requerimento da vaga escolar e prazos de entrega.

comentários

Outras Notícias

Veja Também