População carcerária feminina no Acre é uma das maiores do Brasil, aponta pesquisa


Em 2016, as prisões brasileiras abrigavam 42.355 mulheres

TON LINDOSO, DO CONTILNET

O Brasil tem uma das maiores populações carcerárias femininas do mundo, e o Acre figura no ranking de Estados com maior número de presidiárias. Em um estudo divulgado na semana passada, a Diretoria de Análise de Políticas Públicas da Fundação Getúlio Vargas (Dapp/FGV) levantou dados sobre essas prisões e mostrou que, entre 2000 e 2016, a população carcerária feminina aumentou 567%.

Sistema carcerário feminino./Foto: Reprodução

Entre os cinco Estados com maior encarceramento feminino, quatro estão na região Norte: Amazonas (9,2%), Rondônia (8,2%), Acre (7,1%) e Roraima (6,7%). O Mato Grosso do Sul é o que tem maior percentual de mulheres em relação ao total da população carcerária: 11,3%. Segundo a pesquisa, 62% das prisões de mulheres no Brasil estão relacionadas ao tráfico de drogas, enquanto, no caso dos homens, o percentual cai para 26%.

O estudo considera recomendável investir em ações focadas para primeira infância focadas em filhos de mulheres encarceradas.

comentários

Outras Notícias

Veja Também