Ao assumir vaga de deputada federal, Marfisa Galvão recusa 60% dos auxílios da Câmara


“Antes de tudo sou brasileira e faço parte de um país que passa por uma crise", declarou Galvão

ASCOM

Em toda a sua trajetória política, Marfisa Galvão atua fortemente ligada às centenas de comunidades do Estado do Acre, especialmente, na cidade de Rio Branco. Deputada Federal pelo Partido Social Democrático (PSD), ela está assumindo 30 dias de mandato na Câmara, em Brasília. Estando ciente da difícil realidade em que vive o povo brasileiro, a parlamentar se recusou a receber benefícios, tais como auxílio paletó e moradia. No total, são quase 27 mil que serão recusados e realocados.

Marfisa Glavão/Foto: ascom

“Antes de tudo sou brasileira e faço parte de um país que passa por uma crise. Não posso fechar meus olhos e receber algo que não preciso. Não seria justo e acredito que me faria menos digna de ocupar um cargo tão importante na câmara. Sou representante do meu povo e eles merecem mais dignidade”, esclarece a deputada federal.

Nas redes sociais, a deputada Marfisa estréia novos perfis no facebook e no instagram. Ela garante que seu mandato vai ser o mais transparente possível. “Preciso estar onde o meu eleitor está. Quero garantir canais de comunicação práticos onde ele se sinta livre para opinar e, acima de tudo, saber onde seus impostos estão sendo aplicados”, afirma. Seus perfis oficiais são @marfisadeputadafederal, no instagram, e Marfisa Deputada Federal, no facebook.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários



Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Outras Notícias

Veja Também