MPAC solicita apuração célere da morte de jovem após colisão entre motos aquáticas no Rio Acre


MP também colocou estrutura à disposição da família para que seja prestado todo o atendimento necessário

ASCOM MPAC

A procuradora-geral de Justiça do Ministério Público do Estado do Acre (MPAC), Kátia Rejane de Araújo Rodrigues, solicitou à Secretaria de Estado de Polícia Civil, nesta segunda-feira, 14, a apuração célere e transparente acerca da colisão entre motos aquáticas que teve uma mulher como vítima fatal no último sábado, 12, nas águas do Rio Acre.

Jovem morreu após ser levada para o Pronto Socorro/Foto: reprodução

Segundo informações, a vítima, Maicline Borges da Costa, de 26 anos, que teve uma das pernas dilacerada na colisão, chegou a ser levada para o Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco (Huerb), mas veio a óbito horas depois.

“Também colocamos toda a nossa estrutura do Centro de Atendimento à Vítima (CAV), órgão do MPAC responsável pelo acolhimento da Mulher Vítima de violência) à disposição da família para que seja prestado todo o atendimento necessário nesse momento”, informou a procuradora-geral de Justiça que designará uma equipe do CAV para acompanhar a família.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários



Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Outras Notícias

Veja Também