Rio Branco, Acre,





Mesa Diretora da Câmara Municipal promete início das obras da nova sede à partir de 2020


A construção da sede do poder legislativo municipal está avaliada em torno de R$ 12 milhões de reais

SAIMO MARTINS, DO CONTILNET

A nova Mesa Diretora da Câmara Municipal de Rio Branco, composta pelo presidente Antônio Moraes (PT), vice-presidente Lene Petecão (PSD), 1º Secretário, Railson Correia (Podemos), e a 2º Secretária Elzinha Mendonça (PDT), concederam uma entrevista ao ContilNet, relatando os principais desafios e metas a serem cumpridas durante o biênio 2019/2020. Um deles é a construção da nova sede do poder legislativo municipal, que está avaliada em torno de R$12 milhões de reais.

Antonio Moraes, presidente da Câmara de Rio Branco

O presidente Antônio Moraes disse que seu principal objetivo é realizar a construção da tão sonhada sede da instituição, para isso, está se reunindo com a bancada federal do Acre, em busca de emendas e recursos. “Nós já temos o terreno, com isso estamos bem adiantados, a nossa vice presidente Lene, conversou com o senador Sérgio Petecão e ele vai agilizar essa questão pra gente. A partir do ano que vem vamos iniciar as obras”, destacou.

O 1° secretário Railson Correia frisou que cada gestão entra com o intuito de inovar no parlamento, com isso, o vereador pretende dar uma nova roupagem à casa, investindo em transparência. “Queremos deixar detalhado para todos, cada ato administrativo na casa, para que cada vereador saiba quem é quem”, ressaltou.

O parlamentar acrescentou ainda o papel que a imprensa terá durante a gestão da mesa. “Vocês da imprensa tem um papel fundamental, pois fazem a comunicação com o povo. Tanto que disponibilizamos uma sala para que vocês tenham conforto. Com isso, queremos sair com a missão cumprida”, pontuou Correia.

A vice-presidente Lene Petecão enalteceu a escolha de seu nome para a composição da mesa, tendo em vista que, ela representa a bancada da oposição. “Essa é uma mesa plural e eu agradeço ao Moraes por isso, destaco a presença de duas mulheres, pois temos o poder de empoderamento”, disse.

A vereadora acrescentou ainda que, será criado com o apoio do Senado da República, a escola legislativa para ajudar a população.

Lene finalizou dizendo que a cidade de Rio Branco é a única capital do país, onde não tem uma sede da Câmara Municipal. “A maioria dos deputados federais tem votos em Rio Branco, portanto, lógico que eles devem dar esse presente para a população da capital”, concluiu.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários









Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Outras Notícias

Veja Também