Rio Branco, Acre,





Pane na internet do governo do Acre deixa OCA sem atendimento ao público


Alguns serviços como os dos Correios e Sindical para emissão de carteira de ônibus para estudantes, estão funcionando

SALOMÃO MATOS, PARA CONTILNET

Sem sistema de internet, nenhum serviço de atendimento ao público está sendo realizado na manhã desta segunda-feira (18), nas Organizações em Centrais de Atendimento (OCA) de Rio Branco.

Com o sistema parado e sem previsão de retorno no atendimento, centenas de pessoas aguardam impacientes a volta do funcionamento.

João Malfortes, que veio do município de Porto Acre em busca da Carteira de Trabalho, disse que essa é a segunda vez que tenta e não consegue ser atendimento. “É um absurdo, infelizmente. Você perde um dia de trabalho pra tentar resolver um problema e chega aqui é essa esculhambação. O jeito é voltar pra casa e retornar um outro dia e rezar para, quem sabe, eu conseguir tirar o documento que estou precisando”, reclama.

OCA ficou sem atendimento em diversos serviços/Foto: ContilNet

Segundo o administrador da OCA, Airton Queiroga, o departamento de informática do governo, ainda não conseguiu detectar o que houve para que o sistema de informatização caísse do sistema. “Já chegamos aqui hoje com o serviço de internet do governo fora do ar”, afirmou.

Nossos técnicos estão trabalhando para tentar descobrir o que houve. No entanto, alguns serviços como os dos Correios e Sindical para emissão de carteira de ônibus para estudantes, estão funcionando porque eles tem internet própria. Somente a internet do governo é que está apresentando problema”, explicou Queiroga.

Airton Queiroga/Foto: ContilNet

Sobre a possibilidade de uma sabotagem no sistema operacional da Central de Atendimento do Estado, Queiroga preferiu dizer que não acredita nessa possibilidade, mas adiantou que só irá se pronunciar em relação o assunto, quando os técnicos de informatização descobrirem a falha no sistema.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários




Outras Notícias

Veja Também