Rio Branco, Acre,





Pastor da IBB na África conta detalhes do ciclone que matou mais de 80 pessoas: “Terrível”


A IBB tem 71 igrejas em Moçambique, em uma das quais atua um casal de missionários da igreja do Acre

EVERTON DAMASCENO, DO CONTILNET

Um forte cliclone que atingiu a cidade de Beira, em Moçambique, na África, deixou inúmeras casas destelhadas, árvores derrubadas e mais de 80 de pessoas mortas. Como noticiado por nossa reportagem, pastores e representantes da Igreja Batista do Bosque (IBB) de Rio Branco, gerenciam uma sede no local e, com exclusividade, falaram ao ContilNet sobre a tragédia.

Em um dos vídeos enviados, o líder Timóteo mostra como ficou o espaço que está a sua residência.

VEJA O VÍDEO: 

“A maioria das árvores de grande porte caíram. Foi realmente muito terrível ontem à noite. Nossa casa ficou com parte da cobertura fora do lugar”,  comentou.

O religioso informou ainda que nada aconteceu com os seus familiares.

Várias árvores e casas foram atingidas/Foto: Cedida ao ContilNet

“Graças a Deus estamos vivos. Nada aconteceu com minha família, embora tenhamos que recuperar uma parte das nossas coisas, depois. Vamos continuar o trabalho”, finalizou.

Durante e após o episódio catastrófico, todo o sistema de comunicação do local ficou interrompido, com a força dos ventos que chegaram a 200 km por hora.

A IBB tem 71 igrejas em Moçambique, em uma das quais atua um casal de missionários da igreja do Acre.

No país, aproximadamente 84 mortes foram confirmadas, até o fechamento da matéria.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários




Outras Notícias

Veja Também