Rio Branco, Acre,


Centro de Diagnóstico de Exames em Cruzeiro do Sul oferece exames gratuitos à população

O prefeito Ilderlei entende que esses serviços são de extrema importância à população

A melhoria dos serviços púbicos está entre as prioridades da gestão do prefeito Ilderlei Cordeiro. A variedade de atendimentos ofertados no Centro de Diagnóstico de Exames em Cruzeiro do Sul é um reflexo claro do compromisso que o Executivo tem com a população.

O Centro de Diagnóstico, gerido pela Prefeitura por meio da Secretaria Municipal de Saúde, disponibiliza aos cruzeirenses a realização de exames, gratuitos, como por exemplo os de ultrassonografia, laboratoriais, testes rápidos, entre outros.

Profissionais do Centro de CZS/Foto: Ascom

“Esses exames são essenciais para que os médicos possam diagnosticar possíveis doenças nos pacientes. No Centro oferecemos um atendimento de média e alta complexidade, mesmo isso sendo obrigação do Estado. O nosso prefeito Ilderlei entende que esses serviços são de extrema importância à população e auxiliam no fluxo da atenção básica”, salienta a secretária de Saúde, Juliana Pereira.

Para gerar mais celeridade nos atendimentos, há menos de um ano a gestão ampliou a forma de agendamento dos serviços do Centro de Diagnóstico de Exames em Cruzeiro do Sul, é o que explica Juliana.

“Ao identificarmos que os pacientes tinham que ficar horas a fio em filas, realizamos um estudo e dividimos a realização de alguns procedimentos entre as nossas unidades de saúde. Isso resultou em mais comodidade aos usuários do Sistema Único de Saúde”, destacou a secretária.

Nos últimos anos, o prefeito Ilderlei Cordeiro investiu na melhoria do sistema público de saúde, ampliando consultas e atendimentos, inclusive para a população da zona rural de Cruzeiro do Sul. “Somente no Centro de Diagnósticos, mais de 300 pessoas são atendidas diariamente”, explica o coordenador Antonio Carlos.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias