Rio Branco, Acre,


Novo equipamento vai melhorar o trabalho de peritos criminais da Polícia Civil

Disruptor de células e tecidos vai ser usado para macerar ossos e dentes

O Departamento de Perícia Técnica (DPT) da Polícia Civil do Acre recebeu importante aliado na identificação de pessoas por meio da extração de DNA. Trata-se de um dos mais modernos equipamentos para a pulverização de ossos, permitindo a identificação de cadáveres, o TissueLyser.

Equipamento/Foto: Ascom

A aquisição foi possível graças ao Tribunal de Justiça do Estado do Acre, por meio de projeto apresentado pelo DPT à Vara de Execuções Penais. E a entrega aconteceu nesta quinta-feira, 25, com a presença do secretário da Polícia Civil, delegado Rêmulo Diniz, o presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Francisco Djalma, além de peritos criminais, policias civis e técnicos do Judiciário.

/Foto: Ascom

A máquina reduz a pó ossos e dentes em aproximadamente 30 segundos, otimizando o processo de reconhecimento de restos mortais através do DNA, que até então era feito pelos peritos nos métodos convencionais, coleta de digitais e comprovação de familiares.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias