Rio Branco, Acre,

Vento forte em Santa Cruz de La Sierra danifica mastro e consulado fica sem a bandeira do Brasil

Atualmente, estima-se que residam na cidade mais populosa da Bolívia cerca de 30 mil estudantes brasileiros

De passagem pela cidade de Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia, uma acreana precisou dirigir-se ao consulado brasileiro e estranhou o fato de deparar-se com o mastro sem a bandeira do Brasil. Ao indagar o motivo, foi informada de que a mesma teria sido danificada por ventos fortes que atingiram a cidade nos últimos dias e, então, desde a última quinta-feira (4), o símbolo máximo da representação brasileira foi retirado.

Segundo informações do Consulado, ventos fortes neste final de semana danificaram o mastro/Foto: ContilNet

Atualmente, estima-se que residam na cidade mais populosa da Bolívia (3,32 milhões de habitantes) cerca de 30 mil estudantes brasileiros. Localizada no centro do território geográfico boliviano, Santa Cruz de La Sierra é considerada a principal metrópole e o motor econômico do país.

Consulado do Brasil em Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia/Foto: ContilNet

O que mais atrai estudantes brasileiros à Santa Cruz de La Sierra é a facilidade no ingresso às faculdades de medicina.

Uma licitação precisará ser feita para que o mastro seja consertado/Foto: ContilNet

A função do consulado é dar assistência aos cidadãos de sua Nação no país do exterior, diferente de Embaixada que lida com a relação entre os dois Estados, enquanto instituições.

O vice-consul Fábio Araújo informou que terá que fazer uma licitação para recuperar o mastro e hastear nova bandeira brasileira. Serão levantados três orçamentos, mas acredita que até, no máximo a próxima semana, o problema estará resolvido.

Consulado na cidade boliviana ficou sem sua maior identificação: bandeira acreana/Foto: ContilNet

As rajadas de vento, em Santa Cruz de La Sierra, nos últimos dias estiveram com velocidade de 15,64 km/hora, com previsão de aumentarem para 21 km/hora nos próximos dias, de acordo com o site ClimaTempo.

 

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários