Rio Branco, Acre,


Com dívida de 18 milhões, hotel de propriedade de ex-secretário do PT é penhorado

Os advogados do Banco da Amazônia já protocolaram na última quinta-feira (16) uma petição juntando as certidões dos imóveis dados em garantia

O Resort Hotel, localizado na Via verde, teve sua penhora decretada pela juíza Zenice Mota Cardozo, da 1ª Vara Cível da Comarca de Rio Branco em favor do Banco da Amazônia. A propriedade é de António Monteiro, ex-secretário do governo petista. Monteiro teve o recurso impetrado na justiça negada pela magistrada.

O banco conta na justiça desde o ano passado, a quitação de uma dívida estimada em R$ 18 milhões de um financiamento feito pelo empresário junto ao Banco da Amazônia.

No despacho, a juíza destacou que os advogados do empreendimento foram intimados a comprovar o recolhimento das custas judiciais avaliadas em R$ 20 mil, mas deixaram de cumprir no prazo estabelecido.

Os advogados do Banco da Amazônia já protocolaram na última quinta-feira (16) uma petição juntando as certidões dos imóveis dados em garantia, bem como a avaliação dos mesmos e reiteraram a continuidade do processo de execução com a penhora do hotel, haja vista que ele foi declarado como garantia.

 

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias