Rio Branco, Acre,





Eletrobras não exerce opção para ter até 30% da Eletroacre, diz Energisa


Companhia decidiu não exercer uma opção de aumento de participação para ter até 30% do capital da Eletroacre

TON LINDOSO, DO CONTILNET

A Eletrobras decidiu não exercer uma opção de aumento de participação para ter até 30% do capital da Eletroacre, distribuidora de energia responsável pelo fornecimento no Acre e controlada pela Energisa. A informação foi divulgada pela própria Energisa em comunicado na quinta-feira (30).

A informação foi amplamente divulgada nas mídias. O UOL foi um desses sites. A concessionária de distribuição era controlada pela Eletrobras até ser adquirida pela Energisa em um leilão de privatização realizado em agosto passado.

Eletroacre terá de executar 23.464 ligações no estado/Reprodução

Informação foi divulgada pela própria Energisa/Reprodução

“As regras da licitação, no entanto, previam a possibilidade de dívidas da distribuidora junto à Eletrobras serem convertidas em participação na empresa após a desestatização. A Eletrobras vendeu seis distribuidoras de energia no Norte e Nordeste no ano passado, todas com essa opção de posterior conversão de dívidas em capital”, diz um trecho do UOL.

Antes, a estatal já decidira não exercer a opção nas empresas Cepisa e Ceron, que operam no Piauí e em Rondônia e foram compradas pela Equatorial Energia e pela Energisa, respectivamente.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários






Outras Notícias

Veja Também