Rio Branco, Acre,

“A boa saúde vai ser feita, sim, para cada cidadão acreano”, diz secretária de Saúde

Secretária emitiu uma nota direcionada aos servidores da saúde nesta quarta-feira

Após passar por uma sabatina na Assembleia Legislativa do Acre na última terça (9), a secretária de saúde do estado, Mônica Feres, precisou se explicar. Durante a reunião, a secretária deu declarações polêmicas, o que despertou a ira de alguns servidores da Saúde.

Mônica Feres/Foto: ContilNet

Para desfazer o mal entendido, a secretária emitiu uma nota nesta quarta-feira (10) dando explicações sobre o que disse.

Confira a íntegra da nota enviada pela secretária:

Na manhã desta terça-feira (9), compareci à Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa do Estado do Acre. Além de parlamentares, compareceram representantes do Conselho Regional de Medicina, do Sindicato dos Profissionais Auxiliares e Técnicos de Enfermagem e Enfermeiros do Acre e do Sindicato dos Trabalhadores em Saúde do Estado do Acre, além de jornalistas. Durante a reunião, foram expostos os dados e informações obtidas neste primeiro mês de gestão, com proposta de estratégias e metas. Perguntas foram respondidas e sugestões foram ouvidas. Alguns pontos foram repetidamente discutidos. Tudo numa abordagem bem técnica, como, acredito, deve ser feita.

A saúde pública tem que ser encarada como um investimento e não como gasto. Quando foi me perguntado sobre os recursos humanos, respondi que há muita gente disposta a trabalhar para fazer uma boa saúde no Acre. E citei a frase de Marc Benioff, que diz: “Concentre-se nos 20% que fazem 80% da diferença”. É a Lei de Pareto (regra 80/20), que tem muitas aplicações, inclusive no que diz respeito à gestão da qualidade total. Isso não tem nada a ver com o que foi interpretado. Em nenhum momento foi falado em “corpo mole”.

Quando existe um bom processo de trabalho, realizado por pessoas competentes e comprometidas, o resultado é positivo. E forças contrárias se tornam inconsistentes, cessam ou deixam de existir. Isso está acontecendo nessa gestão. Trabalho sério, diuturno, honesto, transparente, com estratégias e metas, está sendo realizado.

O meu discurso é exatamente o mesmo, desde o meu primeiro dia nessa gestão: fazer boa saúde trabalhando com pessoas para pessoas. Defendo o respeito ao próximo, sou extremamente “kantiana”, mas sem deixar de lado a autoconfiança e a congruência, qualidades herdadas dos meus pais, legítimas pessoas que chegaram ao sucesso através de muito trabalho e dedicação. Legado que faço questão de deixar para os meus filhos, através do exemplo de minhas práticas de gestão.

A boa saúde vai ser feita, sim, para cada cidadão acreano. O bom gestor não se curva às críticas vagas e informações sem compromisso com a verdade. O time está sendo formado, forte, verdadeiro, comprometido com a transparência e com a vontade em fazer a saúde acontecer. Conto com cada servidor e vocês sabem disso.

Mônica Kanaan é secretária de Estado de Saúde do Acre

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários