Rio Branco, Acre,


Em coma por coronavírus, cantor vai ao inferno, tem contato direto com o demônio e revela detalhes: “Terror e desespero”

“Eu acordei no hospital com vários tubos entrando e saindo de mim, tinha uma enfermeira do meu lado e perguntei para ela, ‘eu estou no inferno?’”, disse o cantor.

A pandemia do novo coronavírus tem feito o mundo entrar em um verdadeiro colapso. Milhares de infectados em estado grave e muitas mortes compõem o cenário dos dias atuais. O cantor Will Carroll, bastante conhecido por ser músico de uma banda de metal pesado, ficou entre a vida e a morte recentemente pela enfermidade.

O artista é o roqueiro que representa a banda Death Angel. Segundo ele, durante o tempo que ficou desacordado e respirando por auxílio de aparelhos, viu o inferno por duas semanas.

O período foi o bastante para o cantor ter contato diretamente com o diabo. Em uma entrevista concedida ao site da Revista Monet, o próprio astro garantiu isso.

Will Carroll garante que além do diabo o inferno tinha a presença de uma mulher. Na visão dele, os delírios durante o coma provocaram mudanças históricas em todo o planeta.

“Eu acordei no hospital com vários tubos entrando e saindo de mim, tinha uma enfermeira do meu lado e perguntei para ela, ‘muito terror e desespero, me ajuda, eu estou no inferno?’”, disse o cantor.

Cantor de banda de rock vai ao inferno e tem contato direto com o diabo (Foto: Reprodução)
Cantor de banda de rock vai ao inferno e tem contato direto com o diabo (Foto: Reprodução)

Brazil

Confirmados
414,661
+0 (24h)
Mortes
25,697
+0 (24h)
Recuperados
166,647
40.19%
Ativos
222,317
53.61%

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias