Rio Branco, Acre,


Recorde? Indígena acreana de 130 anos pode ser a pessoa mais velha do mundo

"Ela é símbolo de que nós vamos vencer a COVID-19", escreveu o secretário do governo

A mulher mais velha do mundo é a indígena e acreana. Trata-se de Maria Lucimar, que é natural de Feijó e nasceu em 3 de setembro de 1890.

Ela é da etnia kaxinawá e mora na Aldeia Grota. Ela tem 130 anos. A informação foi divulgada pelo coordenador político do governo de Gladson Cameli, Moisés Diniz.

Nenhuma descrição de foto disponível.
Maria Lucimar tem 130 anos/Foto: Reprodução

“Ela é símbolo de que nós vamos vencer a COVID-19”, escreveu o secretário.

A mulher considerada mais velha do mundo (pelo Guiness Book) é a italiana Emma Morano, que nasceu em 1899, hoje com 121 anos e vive na cidade de Verbania.

“Temos que acionar o Guiness Book, pra dizer que acreano não morre de véspera, somos fortes como ferro e audazes como o vento”, finalizou.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up