Rio Branco, Acre,


Messi chega ao 700º gol, mas Barcelona só empata com Atlético de Madrid

Com o tropeço, o Barça poderá ver o Real Madrid abrir até quatro pontos de vantagem na liderança do Espanhol

Lionel Messi enfim chegou ao gol de número 700 em sua carreira nesta terça-feira (30/06). Mas não evitou um novo tropeço do Barcelona no Campeonato Espanhol, em jogo de quatro pênaltis. Mesmo com o feito do argentino, o time catalão empatou por 2 x 2 com o Atlético de Madrid, no Camp Nou, e se complicou na briga pelo título.

Com o tropeço, o Barça poderá ver o Real Madrid abrir até quatro pontos de vantagem na liderança do Espanhol. O arquirrival enfrentará o Getafe, na quinta-feira, no Santiago Bernabéu. O Barcelona soma agora 70, contra 71 do Real. O Atlético, em terceiro lugar na tabela, tem 59 e está fora da briga pelo título.

PUBLICIDADE

O empate no Camp Nou ficou marcado pelo mais novo feito de Messi Após passar três jogos em branco, o argentino não balançava as redes desde a vitória sobre o Leganés, por 2 x 0, no dia 16 deste mês.

O 700º gol veio no segundo tempo, contra o Atlético, e em grande estilo. Ele bateu pênalti com cavadinha, sem dar chance ao goleiro Oblak. Foi o seu 27º gol na temporada. Os gols de Messi se dividem em partidas oficiais pelo Barcelona, onde o argentino acumula agora 630 gols, e pela seleção argentina, onde o craque marcou 70 vezes.

O importante gol de Messi deixou o Barcelona com vantagem de 2 a 1 no placar. Antes disso, o marcador foi inaugurado aos 11 minutos de jogo. Após cobrança de escanteio na área, Diego Costa desviou contra as próprias redes. Curiosamente, o mesmo atacante havia evitado gol de Messi, em cobrança de falta, em jogada imediatamente anterior ao escanteio.

Mas a vantagem durou apenas quatro minutos. Foi o tempo de o árbitro anotou novo pênalti, desta vez em favor do Atlético. O mesmo Diego Costa, do gol contra, cobrou a penalidade e parou em grande defesa de Ter Stegen. A cobrança, contudo, precisou ser repetida porque o VAR detectou que o goleiro se adiantou. Desta vez, Saúl bateu no canto e converteu.

Antes do intervalo, Messi teve outra boa oportunidade para marcar. Aos 41, ele cobrou falta com perigo. A bola desviou na barreira e exigiu grande defesa de Oblak.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

× Faça sua denúncia