Rio Branco, Acre,


Apresentado no Benfica, Jorge Jesus se emociona ao falar do Flamengo

"Cheguei de um grande clube, também, de um grande clube que se uniu em volta de seu treinador", disse o Mister

Ao mesmo tempo que Domènec Torrent era apresentado pelo Flamengo, no Ninho do Urubu, no Rio de Janeiro, Jorge Jesus também dava entrevista no Benfica Campus, na cidade de Seixal, em Lisboa, Portugal.

Questionado por ter voltado a Portugal, Jesus explicou o que o motivou sua escolha. “Não voltei para o Benfica para me reformar. Não vim para melhorar meu contrato salarial, vim para ganhar menos dinheiro que ganhava no Flamengo. Vim porque acredito em um projeto, porque acredito que essa nação tem todas as condições de fazer o Benfica grande, recuperar o prestígio internacional que teve durante muitos anos”, disse.

PUBLICIDADE

Ciente da atual situação do clube, que recentemente perdeu dois títulos para os maiores rivais, o Porto, o Mister se desculpou ao citar o Flamengo par pedir união à torcida. “Cheguei de um grande clube, também, de um grande clube que se uniu em volta de seu treinador, de seu time, e por isso ganhamos grandes títulos internacionais”, lembrou.

“Falo do Flamengo para agradecer do fundo do meu coração a forma como me trataram, a amizade e o amor que tiveram por mim. E agora pensem: o Flamengo tem 50 milhões de torcedores. Para vir para o Benfica, teve que haver uma coisa muito grande. E eu vim, estou aqui para voltar a ganhar, com este presidente e todos os benfiquistas unidos.”

Diferente da situação de Torrent com o Flamengo, no Brasil, Jorge Jesus terá mais tempo para se preparar, para treinar o time antes de fazer sua reestreia no comando do Benfica. A temporada atual terminou recentemente e a de 2020/21 começa somente em 12 de setembro.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up